O ano de 2017 já está marcado como o ano do feriadão. E logo, logo, no próximo dia 15 de junho, quinta-feira, teremos mais uma folga prolongada. Que maravilha!

Um “feriadão” de quatro dias — para quem puder “enforcar” a sexta-feira — é ideal para viagens curtas. Afinal, você quer mesmo passar esses dias à frente de uma TV o tempo todo?

Quatro dias são perfeitos para explorar alguns destinos, até mesmo, fora do país. Campos do Jordão, por exemplo, é um dos lugares favoritos de turistas em feriados de Corpus Christi. E é claro, que passar os dias de descanso nas serras é uma ótima opção — mas não a única.

Separamos cinco destinos para aproveitar o feriadão com algumas indicações do que se fazer em cada um deles. Aproveite!

Chapada Diamantina

 

Quando pensa em viajar pelo Brasil, passa por sua cabeça conhecer nossas maravilhosas chapadas?

Com paisagens impressionantes, sendo a mais conhecida a Chapada Diamantina, reservam belezas e aventuras inesquecíveis. A Chapada Diamantina é uma região de serras, protegida pelo Parque Nacional da Chapada Diamantina, ao centro do estado da Bahia. Quase todos os rios das bacias do Paraguaçu, do Jacuípe e do Rio de Contas nascem na região que é repleta de cachoeiras e grutas.

Quatro dias não são o suficiente para explorar a região, mas, certamente, deixarão você com um gostinho especial e boas histórias para contar.

Prepare-se: esse é um destino para quem quer realmente algo diferente no feriado, longe daquele conforto de hotéis. Uma das principais atrações, por exemplo, o Morro do Pai Inácio, exigirá uma caminhada de 20 minutos, em média, ao longo de 300 metros de uma trilha íngreme.

Mas todo o esforço será recompensado pela oportunidade de vislumbrar as melhores paisagens do país. Ou, então, o céu estrelado como jamais poderia ser visto nas grandes cidades. Para aproveitá-lo, recomendamos acampar no Vale do Paty.

Para chegar lá não é difícil. A Azul Linhas Áreas conta com voos diretos às quintas e aos domingos, a partir de São Paulo ou de Salvador para o município de Lençóis, localizado já na Chapada Diamantina.

Campos do Jordão

 

Agora sim, um destino ideal para quem quer conforto.

A 1628 metros de altitude, Campos do Jordão é o mais alto município brasileiro, localizado na Serra da Mantiqueira, no interior de São Paulo.

Basta o inverno chegar para a cidade receber turistas do Brasil inteiro, buscando curtir o friozinho. Mas o clima não é o único atrativo da cidade: ela, de fato, consegue reunir tudo para ser a capital do inverno brasileiro. Desde seus aconchegantes hotéis e pousadas, o tom europeu de sua arquitetura, até a gastronomia refinada, Campos tem tudo para quem busca relaxar.

Mas, entre um fondue e outro, também há na região passeios interessantes para quem busca sair do comum no feriado. A Pedra do Baú, localizada no município vizinho de São Bento do Sapucaí, é uma dessas opções. Lá, você terá uma vista deslumbrante da serra, do topo dos 1950 metros de altitude durante uma caminhada de mais ou menos uma hora.

Já o Horto Florestal da cidade é um excelente local para curtir uma tarde com a família. Com bastante verde, trilhas, restaurante, lojas de artesanato e exposições.

Campos do Jordão fica a 173 km da cidade de São Paulo. É fácil chegar de carro, utilizando a Rodovia Presidente Dutra (BR-116) ou a Rodovia Ayrton Senna (SP-70). Nesse período do ano, há diversas opções de excursões para cidade via ônibus.

Búzios

 

Búzios? Uma cidade de litoral logo no inverno?

Pode parecer estranho, mas a melhor época de ano para conhecer Búzios é fora da temporada de verão.

Armação de Búzios — ou só Búzios, como popularmente é conhecida — é um município na microrregião dos Lagos, no estado do Rio de Janeiro, conhecido também pelas suas paisagens naturais e pelo seu charmoso centro histórico.

A cidade ficou internacionalmente famosa quando, em 1964, a atriz Brigitte Bardot passou uma temporada por lá com seu namorado brasileiro. A Orla Bardot, nomeada em homenagem à atriz, recebeu uma estátua em sua imagem para não deixar que este momento se perder na memória da cidade.

Búzios abrange 23 praias e os próximos quatro dias de feriado também são ideais para explorá-las. As penínsulas recebem correntes marítimas tanto do Equador quanto do polo Sul, o que faz com que existam opções de águas frias e mornas para curtir um banho de sol. Algumas visitas são obrigatórias dentre tantas, a Praia de Geribá, Praia da Azedinha, Praia de João Fernandinho e a Ponta da Lagoinha.

Búzios fica a aproximadamente 8 horas de viagem de carro de São Paulo. Também há voos regulares até Cabo Frio, a 20 minutos de Búzios, partindo do Rio de Janeiro.

Mendoza

 

Às beiras da Cordilheira dos Andes, Mendoza é um dos principais centros turísticos da Argentina e, recentemente, também entrou nas rotas dos brasileiros.

Pequena e romântica, as principais atrações da cidade estão em torno da farta produção de vinhos e azeite da capital.

A “adega da argentina” responde por 70% da produção vinícola do país. São cerca de 1.220 bodegas, que produzem 1 bilhão de litros por ano. Ao lado de pequenas cavas artesanais e familiares, encontram-se as vinícolas com alta tecnologia, principalmente para irrigação.

Uma curiosidade: a região de Mendoza é extremamente seca. Toda a água que irriga seus parreirais vem do degelo da Cordilheira durante o verão. A cidade inteira é abastecida por complexos sistemas de irrigação que trazem a água do alto das montanhas.

Para uma experiência completa, é possível hospedar-se em hotéis localizado dentro das próprias vinícolas. Imagine acordar com uma vista linda da janela para a Cordilheira e para os parreirais.

Além da gastronomia e dos vinhos e por ser uma cidade pequena, quatro dias de um feriado são suficientes para saborear estas delícias e ainda explorar os parques, as praças e os museus do município.

Mendoza, porém, é também o lar da maior montanha das Américas. Com 6962 metros de altitude, o Aconcágua recebe montanhistas em busca de aventuras.

A cidade argentina passou a ser frequentada por brasileiros graças a voos diretos recém-inaugurados partindo de São Paulo.

 

Montevidéu + Punta del Este

 

Outro destino internacional, mas bem pertinho, é a capital uruguaia Montevidéu. É um centro urbano bastante ativo e repleto de opções de passeios culturais e ao livre.

O seu roteiro pode começar pela Plaza Constitución, onde está a Catedral Metropolitana de Montevidéu. Nas proximidades há alguns museus importantes, como o Museu Histórico Nacional e o Museu de Arte pré-colombiana e indígena.

Para almoçar, uma visita ao Mercado del Puerto é imperdível. Lá você pode experimentar a famosa Parrilla, o churrasco tradicional uruguaio.

Falando em sabores, você também pode fazer visitas guiadas por vinícolas e bodegas da região. Os vinhos uruguaios sempre estão em destaque nos concursos internacionais graças à qualidade da uva tannat, comum na região.

Para curtir ao máximo seus quatro dias de folga, uma boa ideia seria aproveitar pelo menos um dia de estadia em Montevidéu para alugar um carro e ir rumo à Punta del Este. A cidade é considerada um dos balneários mais luxuosos da América Latina.

Fora da temporada de verão, é possível aproveitar da cidade litorânea com tranquilidade para passear pelos bairros das mansões, assistir ao pôr do sol na Casa del Pueblo e apostar suas fichas no cassino do hotel Conrad.

As companhias aéreas Gol e LATAM contam com voos diretos para Montevidéu, partindo de São Paulo.

Gostou destas dicas para deixar? Então deixe seu comentário e acompanhe o Blog do Anália para mais novidades!

Agências de Turismo

Abreutur

Piso: Lírio

Tel.: (11) 2860-1846

CVC Viagens

Piso: Tulipa

Tel.: (11) 2108-5300

Shopping Viagens

Piso:Orquídea

Tel.: (11) 2643-4494

Tam Viagens

Piso: Lírio

Tel.: (11) 2671-0992

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Escreva seu comentário
Insira seu nome